17.1.06

 

Doméstica de Jose exige 25 mil euros

José Mourinho e a esposa Matilde estão revoltados com a tentativa de extorsão de que são alvo por parte de uma ex--empregada doméstica. Reuma, de seu nome, diz-se discriminada pelo facto de ser brasileira e de estar grávida, alegando ter sido despedida sem justa causa pelo técnico.

O CM sabe junto de fonte próxima do processo que Reuma exigiu uma quantia a rondar os 25 mil euros. Verba que não seria pedida como indemnização, mas sim para ‘pagar o silêncio’ e evitar um maior transtorno. Caso esta não fosse paga, então a história iria parar aos jornais. E, segundo consta, nem terão sido apresentados argumentos que rebatessem qualquer ilegalidade quanto ao cumprimento do contrato de trabalho.

O técnico do Chelsea não vê qualquer fundamento nas queixas e pondera mesmo apresentar uma queixa crime por tentativa de extorsão e difamação. “Esta história nem merece grandes comentários. O que é importante realçar é que os meus clientes não cedem a pressões, muito menos pressões injustificadas, não só do ponto de vista moral como também jurídico. No Tribunal se fará justiça”, disse ao nosso jornal o advogado Pedro Mendes Pinto, defensor de Mourinho.

Reuma, que prometeu para hoje uma conferência de Imprensa num local a designar no Brasil, contactou um representante em Portugal, o advogado Adriano Teles, para fazer chegar aos representantes do técnico do Chelsea que queria uma indemnização monetária pelo que alega um despedimento injustificado, mas os argumentos apresentados não terão sido os mais correctos. Contactado pelo CM, o advogado Adriano Teles confirma que não se chegou a nenhum acordo, mas alega que o pedido se baseou em questões jurídicas. “Foi feito um pedido de indemnização, que não lhe posso quantificar, nada que duas a três horas de trabalho de Mourinho não pague. Falou-se em alguns valores mas não foram aceites”, disse o defensor. “Foi um despedimento sem justa causa, não houve processo disciplinar, mas há outras coisas por trás disto, uns ditos e uns contos, coisas pessoais.”

Uma vez que não se chegou a acordo, Reuma – que diz que hoje vai apresentar provas da sua história – quer continuar com as suas intenções... mas na barra do tribunal. “Dentro de dias vou preparar a acção, que em princípio vai ser entregue no Tribunal de Trabalho de Gaia”, disse Adriano Teles.

12.1.06

 

Joe Cole leva grande tareia

Chelsea: jogador cortejava uma modelo quando um amigo desta o agrediu

O internacional inglês Joe Cole, jogador do Chelsea, foi espancado por causa de uma modelo de 19 anos, conhecida por ter exibido os seus atributos físicos na página 3 do tablóide ‘The Sun’. Cole cortejava Keeley Hazell, mas um amigo da jovem não terá gostado e agrediu o médio de forma brutal.

Tudo aconteceu na madrugada de sábado para domingo. Cole e o capitão John Terry foram sair e encontraram Keeley e outras modelos numa discoteca londrina. Daí seguiram para casa de Keeley, onde o ‘caldo se entornou’. “Estavamos todos bem bebidos. O Joe e a Keeley estavam a entender-se, mas depois chegou outro tipo que não gostou e ‘comeu’ o Joe ao pequeno-almoço”, contou uma testemunha.

Na luta, Cole perdeu a camisola, os sapatos, a carteira e o telemóvel. E teve de sair pela janela às 5h30 da manhã. Um taxista assistiu. “Joe estava só de calças e cheio de sangue. Ninguém o reconheceu e nenhum taxista o queria levar. Um aceitou porque ele prometeu que o pai pagaria a conta”. O jogador não apresentou queixa nem foi assistido no hospital.

 

José Mourinho dá a cara pelas rolhas portuguesas

Publicidade: Campanha pela cortiça contra plástico.

Popularidade de Mourinho sempre em crescendo: o treinador é hoje uma figura global.

Já todos viram, certamente, José Mourinho a promover telemóveis, equipamentos desportivos e instituições bancárias... mas poucos imaginariam o técnico português a dar a cara por rolhas de cortiça.

Mas o que é certo é que isso vai ser uma realidade, já que a Campanha Internacional da Cortiça vai arrancar no próximo mês de Março, usando a imagem do actual treinador do Chelsea. Esta iniciativa visa promover as rolhas de cortiça, sector que Portugal domina a nível mundial, na Grã-Bretanha, Estados Unidos e Austrália e partiu da parte do Governo luso e da APCOR – Associação Portuguesa de Cortiças – que, deste modo, usam a imagem do treinador para conquistar e reforçar mercados.

José Mourinho – que, por duas ocasiões, ofereceu vinho português ao seu rival ‘sir’ Alex Ferguson, embora ele próprio não consuma bebidas alcoólicas – vai tentar ajudar a APCOR a travar o crescimento da utilização de vedantes de plástico e de alumínio nas garrafas de vinho. E, no Reino Unido, nada melhor do que fazê-lo aproveitando o mediático ‘homem do momento’. “Ele foi escolhido porque é português, bastante sofisticado e apela ao consumo do vinho”, disse um responsável da agência de publicidade encarregue da promoção da campanha no Reino Unido.

Ainda assim, José Mourinho opta pela privacidade nestas campanhas publicitárias que, certamente, lhe vão engrossar a conta bancária em mais alguns milhares de euros.

“Falámos com o agente desportivo, o da imagem e o pessoal, mas nunca fomos autorizados a falar directamente com ele. Ele detesta que lhe tirem fotos. Penso que o fotógrafo da campanha publicitária foi o seu pessoal”, disse fonte ligada à agência.

A Campanha Internacional da Cortiça vai custar 3,2 milhões de euros – 2,880 milhões serão pagos pela APCOR e 323 mil pelo Governo, através do ICEP.

APONTAMENTOS

MARCAS

Mourinho não pára de ser solicitado pelas grandes marcas internacionais. Samsung, BPI, Electronic Arts, Adidas e American Express são algumas das marcas que não tiveram problemas em gastar uns milhões em campanhas com o técnico

PATENTE

Ciente do dinheiro que a sua imagem pode originar, José Mourinho decidiu patentear o seu nome. Assim, quem queira usar o seu nome terá de pagar. O Chelsea, que detém direitos de imagem sobre o treinador, poderá tirar lucros disso.

SCORCESE

Mourinho já teve a oportunidade de ser dirigido num anúncio da American Express pelo conceituado Martin Scorcese. E já se fala num filme sobre a vida do português. A mulher do treinador queria que George Clooney fizesse de ‘Jose’.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?